Você tem fome de quê?

Todo mundo tem sede de fazer algo diferente e, talvez, as viagens simbolizem o saciar dessa vontade – quem viaja, sai do terreno seguro que é a própria casa para aventurar-se no desconhecido.

Eu sou uma dessas que está indo desembocar num novo mundo. Daqui a exato um mês, embarco para a #terradarainha (senhora Inglaterra), onde fico por seis meses. O objetivo é óbvio: adquirir fluência no inglês. O que não são tão óbvios, e a gente não pode sair explicando por aí, são os desejos infantis, tais como visitar a terra de Agatha Christie, tomar chá com senhoras a la Miss Marple ou, quem sabe, um xerez com Hercule Poirot (de origem belga, e não francesa, por favor! rs).

Além disso, visitar palacetes da era vitoriana, castelos medievais e estar onde, há séculos, a história vem sendo construída, são outras vontades nutridas há muito tempo. E, penso, são esses os desejos mais gostosos de serem amainados.

Nestas quatro semanas que me separam de minha futura cidade, colocarei aqui quatro posts, referentes a quatro etapas que cumpri para iniciar minha viagem ao Reino Unido. Quem sabe possa ajudar aqueles interessados em iniciar um intercâmbio.

Anúncios